quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

A Brizolândia voltou.

Se Leonel Brizola fosse vivo, teria completado 91 anos ontem.
Ontem 22/01, foi feita homenagem ao Governador Leonel Brizola com a presença de vários políticos, como deputados Miro Teixeira, Paulo Ramos, Bebeto, do superintendente Regional do Trabalho Eduardo Petra, além do presidente do MST, João Pedro Stedile, do governador Nilo Batista, da deputada Estadual do Rio Grande do Sul, Juliana Brizola, do ministro do Trabalho Brizola Neto, entre outros. 
Ministro Brizola Neto e Paulo Ramos
Na homenagem podemos ver que os ideais de Brizola não morreram. 
O ministro do trabalho, Brizola Neto, fez um discurso empolgante, conclamando toda a militância do partido pra o retorno as origens do PDT criado por seu avô. Destacou que o PDT deve voltar as ruas, fortalecendo os movimentos sociais e democratizando as decisões através de eleições diretas.
João Pedro Stedile, líder do MST, lembrou da Luta de Brizola pela reforma agrária e defesa da educação no campo.
João Pedro Stedile do MST

A homenagem se transformou um verdadeiro comício na cinelândia e o Vereador Leonel Brizola anunciou que a Brizolândia voltou.
Multidão lotou a cinelândia
Vereador Leonel Brizola
Discursos empolgantes como de Juliana Brizola, Leonel Brizola e Paulo Ramos foram a tônica da homenagem a Brizola.
Juliana Brizola 
Deputado Estadual Bebeto Tetra
Juliana Brizola, Fábio Pequeno da CSB e juventude do complexo do Alemão

Deputado Federal Miro Teixeira

Nenhum comentário:

Postar um comentário