quarta-feira, 2 de maio de 2012

O maior castigo é não poder aparecer em público.

A Constituição do Estado estabelece que o Governador tem o dever de encaminhar a ALERJ relatório circunstanciado das viagens oficiais que faz e esta Casa nunca recebeu nenhum. Já há tempos que requeri ao Gabinete Civil, a quem cabe prepará-los, o encaminhamento desses relatórios, mas o Governador não cumpre a Constituição.

Quando esses episódios acontecem, por exemplo, com o Governador dizendo que estava em Paris em viagem oficial, nós estaríamos aqui todos contemplados se a ALERJ tivesse recebido o relatório com quanto custou a viagem; onde ficou hospedado, tudo. Mas como o Governador não cumpre as mais elementares atribuições de seu cargo, quando as denúncias acontecem, ainda mais com as provas já colhidas, não há alternativa. O . Governador tem que ficar se escondendo. Seguramente, o Governador Sérgio Cabral não comparecerá mais a qualquer inauguração, pois o maior castigo a um homem público é não poder aparecer em público. A esta condenação o Governador Sérgio Cabral já está, vou usar essa expressão, com o “rabo preso”.

Portanto, o correto será esta Casa abrir uma Comissão Parlamentar de Inquérito. Não é uma CPI sobre este ou aquele caso específico, mas para uma investigação, a mais ampla, sobre as relações do Governador com Eike Batista; com a Delta de Fernando Cavendish; sobre as obras públicas, especialmente as sem licitação, e o superfaturamento dessas obras.

Encaminhei um pedido de criação de CPI tratando dessa questão em agosto de 2011. Se porventura já tivéssemos feito a CPI, agora, ou o Governador Sérgio Cabral estaria completamente implicado ou estaria livre das acusações. Como não houve a CPI e novos fatos vão aparecendo, de nada adianta reclamar! Não adianta querer agora fazer acusações sobre governos passados: qualquer acusação deve ser acompanhada de prova.

O Governador atual é Sérgio Cabral. As denúncias estão pesando sobre seu Governo e sobre ele mesmo. Cabe a ALERJ, portanto, cumprir seu dever de investigar para fazer com que o Governador assuma suas responsabilidades e que apresente os relatórios das viagens. Onde estão os relatórios?

Nenhum comentário:

Postar um comentário