quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Vi Brizola ser traído no Congresso do PDT em Porto Alegre

No 5º Congresso do PDT em Porto Alegre - Setembro de 2011


1 – Vi Brizola ser traído por dirigentes sem legitimidade que temem a militância pedetista, fingindo comemorar os 50 anos da Cadeia da Legalidade.

2 – Vi Brizola ser traído por aproveitadores que ousam se apresentam como herdeiros do legado trabalhista e nacionalista.

3 – Vi Brizola ser traído por companheiros de ontem que se transformaram em ex-companheiros, nos envergonhando diante do povo trabalhador.

4 – Vi Brizola ser traído por aqueles que se apropriaram da legenda do PDT e a estão destruindo e a estão desmoralizando.

5 – Vi Brizola ser traído por aqueles que se habituaram a discursos fáceis e emocionados, mas que não conseguem mais ocultar a verdade e nem enganar a mais ninguém.

6 – Vi Brizola ser traído por dirigentes partidários que se eternizaram, transformando o PDT em legenda de aluguel, num balcão de negócios distanciado dos movimentos sociais e das massas populares.

7 – Vi Brizola ser traído por homens que se apresentam como humildes falando do próprio passado, mas que se transformaram em subordinados dos nossos principais adversários. (vide Sérgio Cabral)

8 – Vi Brizola ser traído por coveiros do partido que pensam ser possível transformar fracasso em êxito e que fizeram do PDT uma sepultura de quadros.

9 – Vi Brizola ser traído por homens sem ética falando em dignidade e que viraram as costas para princípios e valores programáticos.

10 – Vi Brizola ser traído por falsos líderes que estão desorganizando o PDT, caminho por eles encontrado para manter o controle da legenda.

11 – Vi Brizola ser traído por dirigentes partidários que não estão a altura do legado trabalhista; são pigmeus políticos tentando inutilmente se apresentar como estadistas.

12 – Vi Brizola ser traído por discursos mentirosos feitos por quem perdeu a autoridade e a compostura, e que está movido unicamente por interesses pessoais.

Deputado Paulo Ramos
PDT – RJ

Um comentário: