sexta-feira, 13 de maio de 2011

Paulo Ramos denuncia omissão da Alerj

O deputado Paulo Ramos (PDT), em contundente discurso no plenário, classificou como omissa a posição da Alerj em relação à falta de fiscalização do governo do estado. Ramos lembrou que essa posição de subserviência compromete não só o regimento da Casa como a própria Constituição.

“O legislativo, por obrigação, é um poder independente e tem que agir como tal. Por que essa recusa de não investigar atos do governo que podem ter sido ilícitos? Há denúncias em todas as áreas, especialmente na Saúde. A quem interessa a omissão dessa Casa? Se houver atos ilícitos, que sejam punidos. Se não houver, ninguém será culpado”, afirmou.

O deputado propôs a criação da CPI da Saúde, mas a maioria de deputados governistas barra essa iniciativa: “Não entendo essa posição. O governo tem a maioria, pode, portanto, mostrar em plenário que as denúncias não procedem. O que não pode é a Alerj ficar nessa posição de omissa”, afirmou Paulo Ramos.