terça-feira, 1 de setembro de 2009

Paulo Ramos ao lado dos professores




Os professores estaduais cercam a Alerj, 1/9, para protestar contra a mensagem do governador Sérgio Cabral que dilui o pagamento da gratificação do Nova Escola e diminui o chamado interstício de 12,5 para 7,5%.






Nenhum comentário:

Postar um comentário